18 de agosto de 2015

10 coisas musicais que você não sabe sobre mim







1) Eu invento letras de música com praticamente tudo 
2) Faço clipes imaginários quando ouço música
3) Aprendi teclado e flauta mas nunca mais toquei 

4) Amo filmes musicais mas odeio o episódio musical de Greys Anatomy
5) Imagino traduções das músicas que amo e sempre me decepciono com a tradução verdadeira

6) Casei com uma musica linda do Poison e depois li a tradução e ela fala de guerra rs mas estamos juntos há 10 anos então isso não quer dizer nada!
7) Canto o dia todo 

8) Trabalho com o fone de ouvido, se eu não ouvir música eu não me concentro em nada
9) Acho que o Renato Russo escreveu a minha vida em suas letras
10) Passei a adolescência apaixonada pelo Joey do NKOTB mas depois conheci Guns e Metallica aí deixei de gostar. Passei a gostar do Slash e do James Hedfield.


E você? Tem alguma coincidência musical pra me contar?

12 de agosto de 2015

Como congelar refeições e salvar o seu dia

Não sei como é a vida de vocês mas acredito que seja bem corrida como a minha. Eu preciso ter algumas coisas já adiantadas para facilitar o meu dia a dia. Criei um esquema para fazer marmitas, deixando prontas algumas refeições.

Faço alguns alimentos como base, depois coloco-as em recipientes de 250ml e congelo. Coloco nas etiquetas o que tem dentro dos recipientes e a data do congelamento pois cada alimento possui um prazo para ser utilizado, muito embora nem dê tempo de estourar nenhum dos prazos.

Desta forma, quando chego na correria é só descongelar e preparar algum legume ou verdura na hora para acompanhar a refeição. Esses potinhos já salvaram meus dias muitas vezes! Tem vezes que saio de casa e acabo levando congelado mesmo em uma bolsinha térmica, sempre uso, acaba ajudando muito. Ou então, durante a semana quando chegamos cansados. É uma opção melhor do que descongelar uma lasanha ou fazer nuggets e hamburguer, na minha opinião, claro!




Eu escolho um dia da semana, normalmente um sábado ou domingo e preparo as bases:

- Arroz;
- Feijão;
- Batata ou batata doce cozidas;
- Carne Moída;
- Bifes em cubinhos já refogados;
- Frango em cubinhos já refogados;
- Macarrão com Molho.

O macarrão precisa ter ou muito molho ou azeite para que não fique aguado na hora de descongelar no microondas ou em banho maria. Batata baroa ou Inglesa precisam estar em forma de purê. A Batata doce eu não gosto de colocar leite, somente amasso e coloco azeite com temperos, fica muito bom descongelado.

Aqui as marmitas com a macarronada. Já coloco queijo ralado, azeite e
enfeito com as azeitonas. Não gostei muito do resultado após descongeladas mas se eu achar algum jeito que deixe o macarrão fresquinho eu conto pra vocês!

Aqui, as de Arroz+Feijão+Carne Moída e as de Arroz+Feijão+Purê.
Obs.: Este Purê é de batata com mandioquinha, por isso está tão amarelinho.

É claro que não há nada melhor do que um alimento preparado na hora, fresquinho, direto no fogão mas confesso que essas marmitinhas já quebraram muito galho aqui em casa! Eu acabo tendo só que preparar uma saladinha e alguns legumes, o restante já está pronto e se não quero fazer os acompanhamentos ainda sim é melhor do que comer qualquer besteira ou qualquer alimento industrializado congelado não é mesmo?

Já tentei fazer os legumes refogados para congelar mas não deram muito certo, se quiserem deixar dicas ou dúvidas estou à disposição!

P.s.: Os recipientes custaram R$ 11,00 1 pacote com 24 marmitinhas com tampa em lojas de embalagens.


26 de julho de 2015

Como fazer um cardápio semanal e otimizar o seu tempo

Eu adoro listas e organização. Se houver algum tipo de método que otimize meu tempo certamente vou testá-lo. Passo de 12 a 14 horas na rua e mal tenho tempo de fazer tudo o que quero em casa, então, passei a utilizar algumas coisas para me ajudar. 

Leio muito na internet, sigo muitas blogueiras e revistas digitais sobre o assunto. Tenho um álbum no Pinterest lotado de dicas e listas, confira aqui. Então, resolvi mostrar para vocês como pequenas atitudes podem auxiliar na organização do lar e do Cardápio Semanal.

Don’t panic - organise. How true is this. Small acts of leadership acting in concert = success!

- Em um caderno anotei todos os dias da semana e em cada um deles, exceto sábados e domingos, coloquei um cômodo da minha casa:

SEGUNDA - Quartos
TERÇA  - Banheiro
QUARTA - Cozinha
QUINTA - Sala
SEXTA - Lavanderia

Em cada dia limpo um cômodo, isso serve também para separar as roupas e itens que serão lavados na sexta-feira. Quando a rotina fica mais regrada e você faz isso por mais tempo você acaba gastando pouquíssimo tempo em cada um dos cômodos.

Edredons, cortinas e tapetes são lavados 1x por mês, o restante das roupas de cama, toalhas e etc, são lavadas semanalmente.

Não coloco tarefas no fim de semana pois reservei estes dias para lazer ou simplesmente não fazer nada.

- Tenho uma caixinha pequena na cômoda da sala para alguns itens: chaves, carteira, celular e etc.

- Tento guardar tudo exatamente em seu lugar e se não guardo faço o rodízio que consiste em levantar e levar as coisas do cômodo onde estou para o cômodo onde deve estar. Por exemplo: se estou na sala e vou para a cozinha, já carrego todos os copos e canecas e itens da cozinha que estão espalhados na sala.

- Vou começar a elaborar novamente meu cardápio semanal e com ele já definir a lista de compras:

Organização e Otimização do Seu Tempo: Cardápios: Mensal e em Excel + Listas de Compras + Congelamento


PLANEJAMENTO SEMANAL DE CARDÁPIO: VOCÊ FAZ?


Para fazer um cardápio semanal você deve levar em consideração as quantidades de cada alimento para que saiba quanto deve comprar e preparar, não adianta fazer 3 kg de frango para 3 pessoas a não ser que você faça isso para congelar porções. Eu gosto de cozinhar algumas coisas no domingo para facilitar o preparo do cardápio da semana. Mas fica a seu critério a quantidade de cada alimento que você vai preparar, comprar e depois armazenar.

E como monto este cardápio? Primeiro me baseio no que deve ser um prato equilibrado, defino a quantidade de cada alimento, se vai durar mais de um dia, aí posso repeti-lo no cardápio ou então transformar um prato de um dia em outro prato no dia seguinte, nada de desperdício! Nada impede de você fazer modificações no cardápio durante a semana.  Aos poucos você vai se adaptando e se acostumando às quantidades e à rotina.

Veja como deve ser um prato saudável:

Composição do Prato Ideal

Belo infográfico sobre alimentação saudável!

Eu já coloco cada item em cada dia da semana, pensando em como vou preparar e já vejo se vou usar o mesmo alimento por mais de um dia, legumes refogados podem virar omelete ou torta de legumes no dia seguinte!

Tendo estas informações à mão basta fazer sua planilha. Cozinho feijão uma vez só, assim dura a semana toda. Deixo legumes pré-cozidos para poder fazer o que planejei: posso fazer omeletes, refogados, tortas de legumes e etc. Salada já deixo lavadinha e coloco na geladeira (deixar os legumes e frutas lavados também otimiza tempo além de ser higiênico). As proteínas divido na semana, cada dia faço algo: um dia ovo, outro carne vermelha, outro peixe, outro frango e repito se for necessário. 

Não costumo fazer sobremesa porque ofereço frutas no lugar mas é bacana deixar uma gelatina pronta na geladeira porque é um coringa principalmente para quem tem crianças.

Se você quer otimizar seu tempo, manter tudo em ordem e ainda ter total liberdade de se divertir em um final de semana, procure implementar em sua casa rotinas de organização. Há uma porção de sites com dicas por aí, basta procurar no Google!

Qualquer dúvida estou por aqui também tá?

Keka


15 de julho de 2015

Todo dia a mesma história?

Crianças amam assistir aos mesmos desenhos e mesmas historias todo dia não é mesmo? Pois é, eu devo ter mais de 50 livros infantis em casa mas todo dia tenho que contar a história de Pedro Pimenta que deu a volta no Capitão Barbudo. A história é do livro: Histórias Ilustradas para as Férias. No livro há 8 histórias diferentes mas meu filho sempre escolhe a mesma.

(...)

Vou aproveitar o post para falar do livro que possui projetos gráficos lindos, as histórias são muito ilustradas e as crianças adoram pois as páginas são bem coloridas. A capa é almofadada e linda! o livro custa cerca de R$ 50,00 mas lembro de ter pago menos de R$ 30,00 há 1 ou 2 anos atrás, eita inflação né? Ah, e claro, vale ressaltar que não ganhamos nada para falar do livro ok?



(...) Voltando ao assunto

Você faz ideia do motivo pelo qual as crianças gostam de assistir aos mesmos desenhos ou ouvir as mesmas histórias repetidamente? Crianças não gostam de ser surpreendidas, não gostam de se sentir inseguras. Quando ela assiste ao mesmo desenho ou ouve a mesma história ela já sabe o que vai acontecer, então fica segura e vai imaginando e compreendendo o enredo.

Tudo o que fizermos para uma criança deve ser predeterminado. Ao desligar uma televisão ou terminar uma atividade você deve avisar antes: "Olha filho, depois deste desenho nós vamos desligar a televisão e brincar". Isso evita muitas cenas de birra pois a criança não foi pega de surpresa.

Então, na hora em que sua filha quiser assistir Frozen pela milésima vez, deixe-a ver. Faz parte de todo aprendizado e desenvolvimento emocional. Respire fundo, assista junto e saia cantando Let it Goooooo!

KEKA



Ir para a página:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...